* Após a primeira administração

O produto não deve ser utilizado em câes das raças collie, pastor de shetland, border collie, old english sheepdog, australian sheepherd (pastor-australiano) e nos cruzamwntos destas raças. O uso do produto deve ser cauteloso nas raças galgo afegão, saluki, whippet, greyhound, samoyeda, pastor-alemão (principalmente o pastor-alemão de pelo branco), silken windhound, mcnab, waller, bearded collie, australian cattle dog e nos cruzamentos destas raças.








JÁ OUVIU FALAR EM DOENÇAS DO CARRAPATO?
ESTAS DOENÇAS PODEM LEVAR SEU CÃO À MORTE.


Popularmente estas doenças são conhecidas como "doenças do carrapato". Isso mesmo, doenças no plural, pois diferentes parasitas podem ser inoculados no seu cão através da picada do carrapato.

Os sinais destas doenças são bem parecidos
e são considerados muito graves

Notou algum destes sinais no seu cão? Leve-o o mais rápido possível a um médico veterinário para uma avaliação clínica. Felizmente estas doenças têm cura, mas o tratamento deve ser feito o mais cedo possível para a rápida recuperação do seu cãozinho.



Outra pergunta que sempre surge: para acabar com os carrapatos basta realizar a limpeza diária do ambiente?


Mais uma triste notícia, produtos comuns não são capazes de matar larvas, ovos e carrapatos adultos. Para eliminá-los devemos usar produtos específicos, como carrapaticidas de ambiente e, em alguns casos, até mesmo a dedetização se faz necessária!

É preciso estar ciente que a eliminação completa desses carrapatos pode ser uma missão quase impossível! Não se culpe por isso, estes bichinhos são mesmo duros na queda. O importante é fazer tudo o que for possível para eliminá-los e assim conter ao máximo a proliferação.

Vale lembrar que mesmo que você não veja nenhum carrapato no ambiente, é possível que larvas e ovos estejam presentes, pois muitas vezes estes não podem ser vistos a olho nu.



Presença de carrapatos no ambiente doméstico


Você já passou pela experiência de encontrar carrapatos no seu filho de quatro patas?
Se sim, já sabe quão difícil é eliminá-los!

Além disso, mesmo fazendo a higienização rotineira do local, muitas vezes após os passeios o cão acaba trazendo os carrapatos para os nossos lares.

É possível que você esteja se perguntando: mas como meu cão trouxe esse “intruso”, se ele não teve contato com nenhum outro animal durante o passeio? A triste notícia é que os carrapatos podem pegar carona no seu cão ao passear pelos parques e praças, mesmo sem ter tido contato com outro animal.



Vamos entender um pouco do ciclo do carrapato E TAMBÉM SABER ONDE DORAX® Pet ATUA?


O carrapato ou a larva podem infectar seu cão com as “doenças do carrapato”. Lembra que a larva é muito pequenina? É possível então que o tutor não perceba a presença destas pequenas larvas no cão ou ambiente, e é por isso que muitos médicos veterinários relatam que o tutor recusa-se a aceitar que seu filho de quatro patas contraiu a doença, uma vez que nunca viu nenhum carrapato no seu pet.

Lembre-se: um ÚNICO CARRAPATO ou uma ÚNICA larva picando o animal é suficiente para transmitir estas terríveis doenças!

Passe esta importante informação para seus amigos, vizinhos e familiares que amam e se preocupam com os pets.






* em comprimido(s)








* Após a primeira administração














É a Divisão veterinária da União Química Farmacêutica Nacional, empresa brasileira com mais de 80 anos de história no mercado farmacêutico.



Avenida Magalhães de Castro, 4.800
16º andar - Conjuntos 161 e 162
Edifício Continental Tower
05676-120 / São Paulo-SP

Siga-nos nas redes


Instagram

This error message is only visible to WordPress admins

Error: There is no connected account for the user 28954992234 Feed will not update.



Copyright © 2020 União Química. Todos os direitos reservados.

x